Rio Branco e Londrina iniciam a semana definindo planejamento

Os dois são os únicos entre os classificados para as quartas de final que não retomaram treinos presenciais

Foto: GUSTAVO OLIVEIRA
Rio Branco e Londrina iniciam a semana definindo planejamento
Londrina e Rio Branco-PR ainda não voltaram aos treinos presenciais

GLOBO ESPORTE

Londrina e Rio Branco-PR vão definir até terça-feira o planejamento para a retomada dos treinos presenciais, visando a volta do Campeonato Paranaense. Os classificados para as quartas de final e a Federação Paranaense de Futebol (FPF) planejam o reinício do estadual para quinze de julho.

Dos oito times que vão disputar a sequência do Paranaense, apenas Londrina e Rio Branco-PR ainda não retomaram os treinos presenciais. Athletico, Coritiba, Paraná, Operário-PR, Cianorte e FC Cascavel voltaram aos treinos presenciais há um mês. 

Pelo lado do time de Paranaguá, o presidente Emerson Oliveira, o Erminho, disse que uma reunião com a direção deve ocorrer até a próxima segunda-feira para definir o retorno dos treinamentos.

No Tubarão, o gestor Sergio Malucelli explicou que aguarda uma definição sobre a situação em Curitiba, já que um decreto da prefeitura suspendeu as atividades em clubes esporivos de Curitiba desde o dia 13 de junho, devido ao avanço do coronavírus.

Clubes e Federação terão uma reunião com a Secretaria Estadual de Saúde e com o Governo do Paraná nesta semana para discutir o tema e acertar os detalhes. "Temos que aguardar se vão liberar ou não em Curitiba. Vamos esperar até terça-feira, e aí decidimos a reapresentação e os próximos passos",  disse Malucelli, por telefone.

O Londrina também aguarda a definição do caso do Brasil de Pelotas, que será julgado pelo Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta terça-feira. Denunciado por causa de atrasos salariais, o clbe gaúcho chegou a ser absolvido em sessãao no dia quatro de junho, mas o Londrina recorreu.

O Tubarão entrou nesse processo como parte interessada, já que o Brasil de Pelotas pode ser punido com a perda de pontos. Na Série B de 2019, o Xavante terminou na 14ª posição, com 44 pontos, cinco a mais que o primeiro rebaixado, o Tubarão, que teve 39. Ou seja, caso seja penalizado com a perda de seis pontos, o time gaúcho será rebaixado para a Série C, e o Londrina fica na Série B.

O Campeonato Paranaense está paralisado desde 15 de março, logo após a conclusão da primeira fase. As quartas de final têm Parana Clube x Cortiba e Cianorte x Operario de um lado da chave e, Rio Branco x FC Cascavel e Londrina x Athlético Paranaense do outro lado.