Quartararo vence a 1ª na MotoGP

Fabio Quartararo até perdeu na largada, mas soube se manter entre os ponteiros para dar o bote na hora certa e escapar na liderança rumo à primeira vitória na MotoGP

Foto: GRANDE PRÊMIO
Quartararo vence a 1ª na MotoGP
Fábio Quartaro

GRANDE PRÊMIO

O dia de glória de Fabio Quartararo na MotoGP chegou. Apesar de uma largada opaca, ele soube se manter entre os ponteiros, retomou a liderança na nona das 25 voltas do GP da Espanha deste domingo (19) e tratou de aproveitar a boa performance da Yamaha para escapar na ponta e alcançar o primeiro triunfo na classe rainha, encerramdo longo jejum da França.

Como esperado, a corrida em Jeres de la Frontera foi marcada pela luta entre Maverick Viñales e Marc Marquez. Ao menos nas primeiras voltas. O #12 largou bem e tomou a ponta já na curva 1, mas, na terceira volta, viu o rival da Honda ultrapassar para a liderança.

O hexacampeão, então, passou a abrir vantagem, mas, no quinto giro, escapou da pista na curva 4 e despencou para 16º. Enquanto o #93 tratava de escalar o pelotão, Maverick pagou o preço por ir na contramão do resto do grid ― junto com Valentino Rossi ― e calçar a M1 com um par de macios: na nona volta, Quartararo e Jack Miller passaram o #12 e se instalaram no top-2.

Vendo a possibilidade da primeira vitória na MotoGP, Fabio forçou o ritmo e passou a abrir vantagem. Com cinco giros para o fim, Fabio tinha 5s1 de frente. Enquanto isso, Marc brigava por Miller pelo terceiro posto no pódio.

Jack Miller venceu uma disputa com Franco Morbidelli pelo quarto lugar, com Pol Espargaró colocando a KTM na sexta posição. Francesco Bagnaia ficou em sétimo, à frente de Miguel Oliveira e Danilo Petrucci. Takaaki Nakagami completa o top-10.

Estreando com a Ducati da Avintia, Johann Zarco foi 11º, à frente de Álex Márquez. Brad Binder chegou a andar mais perto de Pol, mas teve um revés e acabou em 13º, como Tito Rabat e Bradley Smith sendo os últimos a pontuar ― e a terminar também.

Valentino Rossi abandonou a corrida com sete voltas para o fim.

Após o forte acidente, Marc foi retirado da pista de ambulância, com o pescoço imobilizado. O #93 foi levado ao centro médico, e a MotoGP ainda não divulgou informações sobre o estado de saúde do piloto da Honda.

Com quatro voltas para o fim, porém, Marc Márquez sofreu uma forte queda e abandonou a corrida, mudando a briga pelo pódio. Quartararo, por sua vez, se manteve firme na ponta até receber a bandeirada com 4s603 de margem para Viñales. Andrea Dovizioso completa o pódio.