Thiago Braz faz sua melhor marca na temporada e é bronze em Berlim

O brasileiro campeão olímpico no salto com vara passou os 5,82 m e voltou a competir de igual para igual com (quase) todos os grandes nomes da modalidade

Foto: DIVULGAÇÃO
Thiago Braz faz sua melhor marca na temporada e é bronze em Berlim
Thiago Braz salta para 5,82 m e leva o bronze em Berlim

OLIMPÍADA TODO DIA

Subiu o sarrafo para Thiago Braz. No Meeting de Atletismo de Berlim, na Alemanha, o brasileiro conseguiu superar a marca de 5,82 m no salto com vara e atingiu seu ápice na atual temporada. De quebra o atual campeão olímpico ainda saiu com o bronze na competição.

Anteriormente, Thiago Braz tinha como melhor marca da temporada um 5,72, conquistado na etapa da Lausanne da Liga Diamente.

Para variar, o ouro no Meeting de Atletismo de Berlim ficou com o recordista mundial Armand Duplantis, da Suécia, que venceu com facilidade ao ser o único a passar a barreira dos 5,91 m.

A prata terminou com o polonês Piotr Lisek, que também saltou para 5,82 m, mas ficou à frente de Thiago Braz por ter passado a marca de primeira.

Sam Kendrick, dos EUA, atual campeão mundial, parou em 5,72 m e foi apenas o 6º colocado. E o francês Renaud Lavillenie, atual medalhista de prata olímpiconão participou.

berlim salto com vara meeting de atletismo thiago braz
Prova do Salto com vara do Meeting de Atletismo de Berlim (reprodução/istaf.de)

RUMO AO 5,82 m

O Meeting de Atletismo de Berlim começou em 5,57 m para Thiago Braz. O brasileiro passou logo de cara. Na sequência, o sarrafo foi para 5,72 m, e Braz falhou nas duas primeiras tentativas.

Mais uma falha, e a disputa do salto com vara chegaria ao fim. Mas Thiago Braz passou em sua última oportunidade e foi para 5,82 m, uma altura em que ele ainda não tinha conseguido saltar na atual temporada.

De novo, a primeira tentativa foi falha. Mas a redenção veio no segundo salto, uma passagem limpa para 5,82 m, sua melhor marca em 2020. Mas Braz queria mais.

Mais uma falha, e a disputa do salto com vara chegaria ao fim. Mas Thiago Braz passou em sua última oportunidade e foi para 5,82 m, uma altura em que ele ainda não tinha conseguido saltar na atual temporada.

De novo, a primeira tentativa foi falha. Mas a redenção veio no segundo salto, uma passagem limpa para 5,82 m, sua melhor marca em 2020. Mas Braz queria mais.

O sarrafo subiu para 5,91 m. Só que aí foi demais. Três tentativas falhas e fim de Meeting de Atletismo de Berlim para o brasileiro. Só que a marca de 5,82 m foi o suficiente para o bronze.