Minas atropela o Fluminense e segue 100%

São José dos Pinhais (PR) perdeu, em casa, para o Osasco (SP)

Foto: ORLANDO BENTO
 Minas atropela o Fluminense e segue 100%
Macris aciona Thaisa na vitória do Minas sobre o Fluminense

O placar não deixa margem para interpretações: foi um atropelo o que se viu no ginásio do Minas nesta sexta-feira. A equipe da casa derrotou, com autoridade, o Fluminense por três sets a zero.

Nos dois primeiros sets, foi impiedoso e venceu por 25 a 14. O terceiro foi mais equilibrado (25 a 23), mas muito porque durante uma parte da parcial o Minas atuou com duas reservas. Com o resultado, chega à quarta vitória em quatro jogos. Já o Tricolor segue sem vencer na competição.

O time carioca jogou sem Giovanna, a levantadora titular, que sentiu lesão antes do jogo. Mas nem dá para dizer que Rose comprometeu. A verdade é que o Minas jogou praticamente sem errar. Thaisa e Macris brilharam, Pri Daroit esteve em altíssimo nível e todas as outras jogadoras da equipe mineira também atuaram muito bem. Ficou difícil para o adversário respirar. Pelo lado do Fluminense, a jovem ponteira Julia Moura foi bem. Mari, ainda sem condições de jogo, assistiu ao duelo da arquibancada.

Macris foi escolhida a melhor em quadra contra o Fluminense — Foto: Divulgação CBV

Macris levou o troféu de melhor da partida. Aliás, a pontuação idêntica de todas as titulares mostra o bom jogo que a levantadora fez. Pri Daroit foi a maior pontuadora, com 15. Thaisa e Gattaz fizeram 12. Cuttino e Kasiely, 10.

OUTROS JOGOS

No primeiro jogo do dia, o Osasco (SP) levou a melhor contra o São José dos Pinhais/Aiel (SC) por 3 sets a 0 (25/21, 25/15 e 25/22), no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR). A ponteira Jaqueline brilhou no confronto, foi a maior pontuadora do jogo, com 20 acertos, e ficou com o Troféu VivaVôlei.

O Praia Clube jogou em casa e venceu a quarta partida seguida ao superar o Pinheiros (SP) por 3 sets a 0 (25/22, 25/18 e 25/15), na Arena Praia, em Uberlândia (MG). A levantadora Claudinha se destacou na distribuição do jogo e levou o Troféu VivaVôlei. A oposta Brayelin Martinez também teve boa atuação e foi a maior pontuadora do confronto, com 14 pontos (12 de ataque, um de saque e um de bloqueio).

O Sesi Vôlei Bauru (SP) precisou de cinco sets para superar o São Paulo/Barueri (SP) por 3 sets a 2 (23/25, 25/20, 19/25, 25/20 e 15/11), no ginásio José Correa, em Barueri (SP). A ponteira Tifanny marcou 15 pontos e ficou com o Troféu VivaVôlei. A oposta Rahimova também teve boa atuação e foi a maior pontuadora da partida, com 21 acertos.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL FEMININA 20/21

Quarta rodada do turno

20.11 (SEXTA-FEIRA) – São José dos Pinhais (PR) 0 x 3 Osasco (SP), às 17h, no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR) – Canal Vôlei Brasil (21/25, 15/25 e 22/25)

20.11 (SEXTA-FEIRA) – São Paulo/Barueri (SP) 2 x 3 Sesi Vôlei Bauru (SP), às 19h, no ginásio José Correa, em Barueri (SP) – SporTV 2 (25/23, 20/25, 25/19, 20/25 e 11/15)

20.11 (SEXTA-FEIRA) – Praia Clube (MG) 3 x 0 Pinheiros (SP), às 19h30, no Arena Praia, em Uberlândia (MG) – Canal Vôlei Brasil (25/22, 25/18 e 25/15)

20.11 (SEXTA-FEIRA) – Minas Tênis Clube (MG) 3 x 0 Fluminense (RJ), às 21h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) – SporTV 2 (25/14, 24/14 e 25/23).

Neste sábado jogam Brasilia x São Caaetano (17h)