Paulistano vence o Bauru e se garante na semifinal

O Flamengo deve fazer a semifinal contra o Paulistano

Foto: WILLIAM OLIVEIRA
Paulistano vence o Bauru e se garante na semifinal
Paulistano no ataque

No jogo mais equilibrado dos playoffs do NBB até o momento, o Paulistano venceu o Bauru, por 78 a 65, e está na semifinal da competição. Neste domingo o time da capital paulista contou com um excelente último quarto, com Cauê Borges e Ruivo inspirados e fechou a série em 2 jogos a 1. Agora, o time terá o Flamengo como adversário por um dos lugares na decisão.

O JOGO 

O terceiro e decisivo jogo entre o quarto e o quinto colocados na fase de classificação começou como se esperava. Com os dois times marcando muito forte, o duelo entre Paulistano e Bauru foi igual desde os primeiros movimentos. Apesar do time da capital conseguir uma pequena vantagem nos início, o Dragão contou com Tyrone inspirado e o confronto foi para o segundo período com 15 a 15 no marcador.  

Na volta para a quadra, o ritmo foi idêntico. Com a marcação dos dois lados muito pegada, o placar ficou travado e baixo. Desta forma, diferente do período anterior, nenhuma das equipes abriu vantagem e os dois lados passaram quase que todo o tempo trocando cestas e se alternando na liderança do placar. No fim, mais uma vez, Paulistano e Bauru terminaram o primeiro tempo empatados em 27 a 27.

SEGUNDO TEMPO

Na volta do intervalo, o duelo foi equilibrado mas de uma maneira diferente. Marcando na mesma intensidade e conseguindo definir melhor os ataques, o Paulistano foi o dono da primeira metade. Melhorando o seu aproveitamento, o time da capital paulista abriu 39 a 34 no marcador. 

Na segunda metade do período, o Bauru cresceu. Com Gui Deodato e Alex comandando, o Dragão respondeu com uma sequência de 8 a 0 e virou o placar para 42 a 39. Na reta final, o Paulistano voltou a encostar e o jogo foi igual para os últimos 10 minutos com o marcador em 44 a 44. 

Nos últimos 10 minutos, o ataque do Paulistano encaixou. Com as bolas de fora de Ruivo caindo e marcando muito forte, o time da capital colocou 10 pontos de vantagem, com 59 a 49. Na segunda metade do último período, Bauru seguiu com um baixo aproveitamento dos arremessos e a vantagem subiu. Priorizando o melhor arremesso, o time da capital paulista colocou a diferença em 13 pontos, com 67 a 54, e o duelo parou.

Na volta, o Bauru subiu a marcação e passou a definir os ataques mais rápidos. Desta maneira, o time conseguiu deixar a diferença em oito pontos, com 69 a 61. Contudo, nos dois minutos finais, o Paulistano rodou a bola, gastou o tempo, fechou o duelo em 78 a 65 e se garantiu na semifinal do NBB.